Grão Mestre Moy Yat

sigungNasceu em 27 de junho de 1938 na província de Kwong Tung, China. Filho do pintor Moy Chung Lan e Moy Chan Bik Sheung.

No ano de 1953 muda-se para a cidade de Hong Kong, China. Em março de 1957 foi aceito como discípulo por Ip Man, por meio da apresentação formal de Moy Bin Wa.

Por aproximadamente 15 anos pôde aprender o Ving Tsun através do tradicional método de transmissão denominado por ele mais tarde, de “vida kung fu”. Essa forma de transmissão se deu através do compartilhamento do dia-a-dia com o seu sifu, o Patriarca Ip Man. A ponto de ser considerado como braço direito do grande Patriarca.

Na época tornou-se aos 24 anos o mais jovem Mestre qualificado de Ving Tsun legitimamente reconhecido pelo seu Mestre.

Em 1967, Moy Yat foi nomeado membro do comitê preparatório para o estabelecimento da Ving Tsun Athletic Association, cuja fundação ocorreu em 4 de julho de 1968.

No final da década de 60, sob a orientação de seu mentor, Patriarca Ip Man, foi realizado registro sigilar da história do Ving Tsun denominado de “Ving Tsun Kuen Kuit”. Esse registro foi esculpido em pedra a quatro mãos por Moy Yat e seu parceiro de arte Kwoong Chi Nam.

Em 1973, após o falecimento de seu mestre no final do ano anterior, decidiu emigrar com a família para a cidade de New York, USA. Inicialmente ensinou no Brooklin, Nova York. No ano de 1979 mudou a escola para Chinatown na ilha de Manhattan, Nova York, onde ensinou até sua aposentadoria. Foi nesse local que seu discípulo Leo Imamura aprende Ving Tsun.

Conhecido no meio artístico, Mestre Moy foi um artista autodidata de grande respeitabilidade, fato que propiciou o convite para que se tornasse consultor para a Academy of Chinese Arts e para The Museum of Natural History da cidade de New York, USA. Deixou-nos uma vasta obra na escrita, pintura, vídeos-teips, caligrafia, Inscultura Sigilar. Estudou outras manifestações culturais da China antiga como a ópera, música, poesia, literatura e medicina tradicional.

No dia 28 de junho de 1997, após 35 anos de dedicação para a excelência na preservação do Sistema Ving Tsun, ele decidiu aposentar-se, otimista com o trabalho a ser realizado por seus discípulos.

Faleceu no dia 23 de janeiro de 2001, em sua residência.

Share